07/01/2013

Tildas - Parte 1

Olá garotas!

Meu último dia de férias! Passou tão rápido que eu nem vi!
Mas vamos ao que interessa! O blog inicialmente foi pensado para que fosse uma fonte de troca de experiências, especialmente para quem gosta de Tildas e seu mundo, como eu costumo chamar.

Então, vou tentar dividir o pouco que sei sobre elas, o pouco que aprendi, de uma forma bem simples. (com todos os erros de conjugações verbais possíveis  por que não sou formada em jornalismo, direito ou letras.... :-) .... afinal tem uma grande diferença entre gostar de escrever e saber escrever.....hehehehe).

As Tildas foram criadas pela desing gráfica norueguesa, Tone Finnager em 1999, quando ela tinha 25 anos. A partir de então muitos livros, revistas, projetos, uma infinidade de bonecas magrinhas, "sequinhas", pernudas e sem boca. A maioria delas estão inseridas em um contexto, com muitos acompanhamentos, como coelhos, girafas, ursinhos, bolsinhas, mantas e muitos outros.
Tonne cria em parceria com Panduro, os tecidos, fitas, papéis e outros de todas as coleções de Tildas. A cada livro, nova temática, novos tecidos, novos papéis. Esses produtos são importados e muitas lojas no Brasil revendem os tecidos e os acompanhamentos.


 



Como estes produtos tem um valor alto (quase exorbitante), utilizamos produtos similares nacionais, especialmente os tecidos. Mas para um bom acabamento, qualidade é imprescindível.
Os livros são editados em inúmeras línguas, mas infelizmente ainda não em Português. Mas como são muito bem ilustrados, não há maiores problemas em entender o processo de produção. É bem verdade que algumas partes precisam ser traduzidas para melhor entendimento, mas nada que o Google tradutor não possa fazer.
Todos os livros, trazem os moldes em tamanho original. Basta copiar, recortar e passar para o tecido.



Hora de falar do corpo Tilda!
Não é fácil conseguir o tecido de corpo original, é verdade, mas podemos substituir por um tecido nacional de qualidade e dar um banho de chá preto para que possamos deixá-lo num tom um pouco mais "corado", pois o algodão cru, tem uma cor bem "apagada". Não questiono a beleza e o tom do tecido original que é belo e tem um toque diferenciado, mas quando não se tem cão, se caça com gato....

Eu utilizo o algodão escovado, tem um toque mais macio que o algodão tradicional, ele já vem pré-lavado.
Se na sua cidade a vendedora da loja não souber que algodão é esse, pergunte por tecido para boneca, talvez ajude.

O banho de chá é bem simples e fácil de fazer, basta ter paciência. Numa panela grande, com uns 2 litros de água, utilizo uns 8 sachês de chá preto. Deixo ferver e retiro os sachês. Coloco o tecido em pedaços menores para que seja possível mexer bem, (meio metro). Deixe o fogo ligado, por uns minutos, com o tecido na panela, depois desligue e mantenha o tecido por algum tempo, de 40 minutos a 1 hora, mexendo bem de tempo em tempo para que não manche. Retire e passe água fria e estenda em uma das extremidades, nunca pelo meio, vai marcar e manchar o tecido.

By Bea


Existem inúmeras receitas de tingimento, a internet é uma fonte inesgotável de possibilidades, mas cada um encontra uma melhor forma de fazer. E essa é a minha. Esse tingimento não irá deixar o tecido idêntico ao original Tilda, pois a cor é diferente. O banho de chá vai apenas dar um tom um pouco mais corado ao tecido para que a Tilda não fique com um aspecto tão pálido.

Veja como fica antes do chá e depois do chá.

By Bea

Aqui tentei fazer diferentes tempos e quantidade de sachês, mas a diferença não é muito grande. Estão secos e passados a ferro.

By Bea

Tecido tingido, passado, hora de passar o molde e costurar.
Utilize o lápis B6 para passar o molde para o tecido (duplo).
Costure sobre o risco.

By Bea

By Bea

 Os pontos da costura devem ser os menores possíveis, para que no momento do enchimento não se corra o risco de abrir a costura. Eu digo para as alunas nas aulas, que é uma costura que não permite erros, por que para abrir a costura depois é muito complicado. Então costure de forma continua e devagar. Os pontos devem ser entre 0,5 e 1,0.
Nas curvas e voltas, como o pescoço por exemplo, tire o pé do acelerador e vá costurando manualmente (girar a rodinha lateral da máquina), para que não corra o risco de sair da linha traçada. Quando for girar o tecido, mantenha a agulha presa no tecido e erga o pé da máquina, assim o tecido não sai do lugar!!!

Importante: o risco do molde para o tecido deve ser bem traçado, mantendo o molde exatamente como é, para que o produto final não tenha a costura comprometida. No final entenderemos o porquê.

By Bea

Acho que é isso. Por hoje!

Durante a semana daremos sequencia as postagem com a parte dois, onde comentarei sobre o recorte do corpo, alguns truques, o desvirar, e o enchimento, o tão temido enchimento e a celulite da Tilda!!!

Espero ter auxiliado de alguma forma. Em havendo dúvidas, estarei a disposição para ajudar, basta comentar esta postagem!!

Abraços!!

Beatriz


17 comentários:

  1. Nossa!! Amiga quero mais uma vez te agradecer este presente tao rico que esta dividindo com a gente...Obrigada de coração!!! Bjoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As ordens !!!! Essa é o objetivo do blog!

      Excluir
  2. Uauuu...
    Amei seu blog,cheio de dicas fofas.
    Amo costurice,apesar de trabalhar em meu blog sómente com scrapbook.
    Mas realmente gosto de todo o ramo handmade :)
    Beijoss!

    ResponderExcluir
  3. Eu adoro a Tilda, mas nunca fiz uma, este é um dos meus desafios este ano !! Obrigado por compartilhar seu conhecimentos! <3

    ResponderExcluir
  4. Adorei Bea!!!estou cada vez mais animada a me aventurar por este mundo!!!Obrigada por dividir o conhecimento com nós!!!Já estou divulgando o teu blog no grupo!!!

    ResponderExcluir
  5. Oi Bea!! Ficou lindo seu blog e as dicas são ótimas!! Nunca consegui acertar o tingimento do algodão cru, mas continuo tentando kkkkkkk quem sabe agora com suas dicas consigo...beijos e sucesso!!

    ResponderExcluir
  6. Olá! Não gostava de Tildas e não sei bem pq, me desafiei a fazer uma. Mas por onde começar??? Catuquei, catuquei, e me atrevi. Bem não foi bem uma "Brastemp", mas não tb não foi um horror. Em mais de 200 blogs de visitei, as poucas postagens de vídeos que tem, infelizmente não consegui achar alguns "pulos do gato" tais como: pq alguns moldes (as gordas principalmente) a conexão entre a cabela e o pescoço ´d auam quebrada...Jisuis, nem sei qtas vezes coloqueie tirei plumante de uma gorducha marinheira; pap bem explicadinho para iniciantes sem grana para fazer cursos ou obter em mãos as maravilhosas revistas Tildas, de cabelos diversos; a correta colocação e fechamento de pernas (cada blog tem uma técnica); como, mas como preencher esses bracinhos até a ponta (eu dei meu jeito, mas deve haver uma técnica qq);enfim. Seria tão legal se alguém com prática pudesse ajudar pessoas que como eu não saem de casa e tb não tem muita grana para fazer cursos. Obrigada por dividir o que sabe. Muito obrigada!

    ResponderExcluir
  7. Fiquei com aguá na boca,só me resta cuspir!
    A coelha Maricota é linda!
    Moro em Nikity(Niterói)
    Você vende Moldes?sou maluca por coelhos.
    sheila.medeiros@ymail.com

    ResponderExcluir
  8. Olá, obrigada por compartilhar de forma clara e simples seu conhecimento. Suas dicas e comentários me animaram ainda mais a me aventurar e tentar costurar a minha primeira TILDA. Falo isso porque sou iniciante também na costura,acabei de comprar uma máquina e ainda não estamos tão íntimas, rsrs ... Assim que eu fizer a minha Tilda,volto aqui para te contar.
    Um abraço,
    Claudia
    claudiacgc@bol.com.br

    ResponderExcluir
  9. Ola onde posso comprar os livreos com os moldes tamanho normal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Matilde! Nas livrarias Saraiva e Cultura! Ambas tem vendas pela internet!

      Excluir
  10. Olá Beatriz,
    adorei seu blog, seu jeito de escrever e suas explicações de forma tão simples e objetiva, muito obrigada, ja fiz Tildas mas agora tenho certeza que farei outras mais bem feitas graças à vc, muito obrigada mesmo!
    Beijos
    Lola

    ResponderExcluir
  11. Ola, amei tudo que vi por aqui sou apaixonada pela Tilda. Obrigada por nos conceder tudo isso. Como faço pra comprar os livros em português? E com é procurado o nome tentei na livraria cultura e nada. Ops,deixe me apresentar, moro na Namíbia/Africa. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vera querida!! Bem vinda e vc pode encontrar na livraria saraiva!

      Excluir
  12. Adorei o pap, vc sabe explicar tudo com bastante clareza. obrigada.

    ResponderExcluir